Departamento Fiscal: O Que é, Rotina e Principais Funções

qual a função do departamento fiscal?

O departamento fiscal é uma das principais áreas de uma empresa, responsável pela gestão de todos os seus aspectos tributários

Seja para a criação de procedimentos de gestão tributária e fiscal, seja para a apuração e emissão de guias de pagamento de impostos, o departamento fiscal é essencial em uma empresa.

Responsável direta pelo acompanhamento tributário de um negócio, essa área é importante para a manutenção das atividades da empresa em alinhamento com parâmetros legais.

Quer saber mais sobre como que a área fiscal de uma empresa pode contribuir com a sua gestão? Veja mais!

Departamento fiscal: o que é e quais suas principais funções?

O departamento fiscal é a área responsável pela gestão tributária de uma empresa e de todos os seus aspectos, sobretudo daqueles relacionados ao controle e ao acompanhamento de todas as atividades que tenham qualquer relação com os tributos.

Além de todas essas questões relacionadas ao controle e ao acompanhamento das questões tributárias, o departamento também é dedicado às necessárias adequações e otimizações que a empresa deve observar para melhorar seu próprio planejamento interno.

Essa atividade destina-se, portanto, a buscar e implementar formas de controle fiscal, integrando suas áreas com processos que visam melhorar e otimizar as questões fiscais da empresa, cumprindo com suas obrigações tributárias.

A importância do departamento fiscal para as empresas

O departamento fiscal é responsável pela segurança tributária de uma empresa, sendo, portanto, aquela área que visa orientar, direcionar e atualizar o negócio em suas mais diferentes necessidades fiscais.

Além disso, esse departamento faz a escrituração, apuração e preparação de todos os impostos que devem ser recolhidos pela empresa, seja na esfera estadual, federal ou municipal.

Assim, é responsável por fazer com que a empresa atue sempre em consonância com as suas obrigações legais, reduzindo custos operacionais, bem como o risco relacionado à aplicação de multas, promovendo uma gestão mais responsável e eficiente.

quais são as rotinas do departamento fiscal?

Qual a rotina e checklist do departamento fiscal?

A rotina do departamento fiscal de uma empresa obedece um processo simples e encadeado para que tributos possam ser apurados, ter suas guias emitidas e pagas.

Veja mais sobre cada uma das suas etapas a seguir:

Conferência de documentação

A etapa de conferência de documentação é a primeira, e tem por objetivo reunir todos os documentos da empresa, de todos os seus setores, que possam ter implicações tributárias.

Notas fiscais e contas entram nesse controle e devem ser reunidas e transmitidas para o departamento fiscal, que deverá, então, fazer o cálculo que levará, por fim, à apuração dos tributos que deverão ser pagos.

Vale registrar que além da reunião dos documentos, cabe também a esse departamento a conferência de cada um deles, bem como o registro apropriado dessa documentação, o que possibilitará, por fim, o pagamento correto dos tributos, sendo a etapa a seguir.

Verificar e apurar tributos

A verificação e a apuração de tributos é uma das maiores atribuições do departamento fiscal e consiste em analisar os documentos conferidos anteriormente para fazer a emissão das guias necessárias para o pagamento dos impostos, conforme fora aferido.

Uma vez apurados os tributos, é também parte das responsabilidades dessa área a busca por procedimentos que possam buscar por incentivos fiscais, que diminuam a carga de impostos a pagar.

Com base nesses cálculos, também é possível verificar se o regime tributário em que a empresa está inserida é o mais apropriado para a sua realidade.

Saiba mais: O que é a gestão de documentos? Veja e entenda o processo

Classificação de mercadorias

A classificação de mercadorias – NCM, GPC e CEST, por exemplo – são também atividades essenciais para uma empresa, pois disso depende a carga impostuária que será aplicada a cada um dos seus produtos e mercadorias.

Além disso, a classificação correta de mercadorias torna a empresa atuante em consonância com a lei, tornando sua operação mais segura, sobretudo em momentos de fiscalização, se houver.

Quer saber um pouco mais sobre o que é NCM e sua importância para a sua empresa?

Cuidar das informações que comprovam o recolhimento de impostos

Além de fazer o cálculo e a emissão de guias de pagamento dos impostos, é também uma atribuição do departamento que se criem registros e arquivos de que tudo foi devidamente pago, conforme determina a legislação brasileira.

Isso garante que a empresa possa atuar com mais segurança, sobretudo caso haja necessidade de comprovação desses recolhimentos e de que eles estão com a sua metodologia de cálculo totalmente acertada.

Essas funções do departamento devem fazer parte do processo que deve ser elaborado para o atendimento dessas demandas tributárias de forma correta, envolvendo todos os setores da empresa para ele poder funcionar em sua plenitude.

Ficar atento às atualizações tributárias

As normas tributárias que regem o nosso país estão em constante mudança e devem ser acompanhadas de perto pelo departamento, que é o responsável pela empresa e sua atuação nos termos da lei.

Para isso ser possível, no entanto, é fundamental que a sua empresa, seja ela do tamanho que for, tenha pessoal dedicado a buscar essas informações e desenvolvendo estratégias para elas poderem ser aplicadas ao dia a dia do negócio.

Essas estratégias consistem em definir prazos de lançamento de notas fiscais, formas de arquivamento e de repasse de informações essenciais para a atribuição e cálculo impostuário.

Portanto, devem se tornar práticas comuns e parte do dia a dia de todos os setores de uma empresa.

qual a importância do departamento fiscal na contabilidade?

A tecnologia como aliada do departamento fiscal

Indispensáveis em todas as áreas de uma empresa, a tecnologia está associada intimamente aos trabalhos do setor fiscal, sobretudo porque, atualmente, o cálculo de impostos e emissão de guias de pagamento se dá totalmente online.

Assim, ter esse controle e pessoal qualificado para o trabalho digital é uma das etapas mais fundamentais do trabalho do departamento.

Conclusão

O setor fiscal de uma empresa é responsável por todo o controle tributário que um negócio deve ter, sendo ele essencial para que sejam realizadas as devidas apurações de impostos a pagar, bem como o controle fiscal de cada um deles.

Sendo responsável por toda a área de tributos, é fundamental para que uma empresa possa atuar em consonância com a lei e, por isso, indispensável.

Conte com a MF para impulsionar os resultados em sua empresa!

Deixe um Comentário

Contar com os serviços da MF Consultoria é ter a garantia de que sua empresa terá toda a assistência necessária.

Estamos sempre próximos, realizando reuniões mensais, detectando novos e melhores caminhos, prevenindo problemas e oferecendo soluções adequadas.

Fale com a gente

POSSO AJUDAR?